SOT - Setor de Operações Tecnológicas
Departamento de Agronomia, Economia e Estatística - Setor de Observação de Mercado
O Boletim Informativo Diário da BCSP é divulgado desde 22 de junho de 1.931.
Março 2020
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
7
8
14
15
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
NOTIFICADO SOBRE CORONAVÍRUS!

Bolsa de Cereais de SP

Boletins 2012
Boletins 2013
Boletins 2014
Última Edição
Página Inicial
BOLETIM DIÁRIO
Boletins 2015
Boletins 2016
Boletins 2017
Boletins 2018
Boletins 2019
Divulgados
Para a safra 2017/18, a estimativa da produção brasileira de grãos é de 228,6 milhões de toneladas. Isto equivale a uma redução de 3,8% em relação à safra anterior. As reduções nas precipitações impactaram o potencial produtivo do milho segunda safra e novamente é responsável pela queda de 1,2% em relação ao levantamento anterior, cerca de 664,3 mil ton. Essa é a segunda maior cultura do país em volume de produção. A área plantada é estimada em 61,7 milhões de hectares, crescimento de 1,3% ou 819,7 mil hectares se comparada á safra 2016/17. Algodão: a cultura se encontra em maturação/colheita. O expressivo aumento de área (25,2%), aliado ao ganho de produtividade de 3,2%, resulta numa produção de 1,98 milhão de ton de pluma. Arroz: produção de 12,02 milhões de ton. Feijão segunda safra: com a colheita próxima do fm, a produção está estimada em 1,27 milhão de ton. Feijão terceira safra: com o plantio fnalizado, a estimativa é de redução de área em 6,6%. A produtividade é estimada em 1.060 kg/ha. Se confrmada, serão 563,6 mil ton de feijão-comum cores, 11,6 mil ton de feijão-comum preto e 60,3 mil ton de feijão-caupi. Milho primeira safra: com a colheita finalizada no Nordeste, a produção está estimada em 26,8 milhões de ton, 11,9% inferior a safra passada, influenciada, principalmente, pela redução na área semeada. Milho segunda safra: com a colheita em andamento e parte da produção impactada por forte estresse hídrico, a produtividade sofreu grande impacto e resulta numa produção de 55,3 milhões de ton, 17,8% inferior à safra passada e 1,2% inferior ao levantamento anterior. Soja: a produção de soja alcança recorde de 119 milhões de ton, 4,3% superior a safra passada. Trigo: a semeadura está praticamente finalizada e a estimativa é de 2 milhões de hectares plantados, o que representa um aumento de 6,2% na área semeada em relação à safra anterior, resultando numa produção de 5,14 milhões de ton. FONTE: CONAB - Ago/2018
Boletins 2020